Translate

terça-feira, 5 de abril de 2011

Sutileza

 Quero lhe dar o meu afago,
 Desejando mais que o acaso.
 Quero encontrar minhas virtudes,
 Sendo bem ou mal, uma plenitude.
 Quero pedir seu perdão,
 Me sentindo por inteiro, numa paixão.
 Quero ser seu amante,
 Sendo um inteiro contigo nesse instante.
 Quero viver essa beleza de ser a diferença de um pensamento constante.
 Ser ou não ser desse desejo consciente,
 Desse presente inteiro, pra você sorridente.
 Descobri que posso olhar para a Lua e sentir a sutileza de seus detalhes,
 Posso amá-la e até me perder por ela, mas ela estará lá singela, em silêncio.
 Mesmo que passe a eternidade desejando o seu afago,
 Ela permanecerá lá imponente em seu mistério.
 Assim é uma mulher de conteúdo,
 Você deve vestir ela com todo o seu coração e olhar por dentro dela,
 Pelos olhos dela e verificar que o infinito é seu irmão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.